Logotipo versão pequena do Spa Recanto das Figueiras

Responsabilidade Sócio-ambiental

O Parque Histórico e Ecológico dos Alemães foi idealizado em 1995 e inaugurado em 2004 pelo imigrante alemão Tobias Shauff e o proprietário do Spa Recanto das Figueiras, Carlos Alberto A. Vieira. O objetivo da sua criação é preservar e divulgar a história da imigração alemã no Norte do Paraná.

Da fazenda de café aproveitou-se a antiga tulha onde foi instalado o Museu da Colonização Alemã. Ali, os visitantes podem apreciar objetos de uso pessoal, utensílios domésticos, ferramentas, máquinas agrícolas, móveis, objetos de escritório e fotos da época da colonização do município de Rolândia. Esse projeto, desde sua concepção até hoje, é totalmente financiado por iniciativa particular.

Na área do Spa, cuidada desde o início do século passado por imigrantes alemães, a natureza exuberante compõe um ambiente belo e acolhedor.

Denomina-se Parque porque também preserva uma área de mata nativa onde os visitantes e hóspedes do Spa podem caminhar e conhecer um pouco do que a natureza criou. Entre muitas árvores, encontra-se a Figueira Branca, árvore que deu nome ao Spa e que possui cerca de 400 anos de vida! Vale a pena conferir!

O cuidado e o respeito ao meio ambiente, a conservação da mata nativa e, sobretudo, a preservação da história e cultura integram a nossa filosofia. São aspectos que acrescentam ao Spa um toque especial, diferenciado.

Além disso, o paisagismo confere beleza às amplas áreas de jardins e bosques e destaca ainda mais as construções rústicas em peroba-rosa e estilo colonial alemão, dando um charme especial ao lugar.