Naquele dia segui a dieta, mas ganhei 300 gramas

Por: Tâmara

7 de junho de 2009 19:59 | Resposta à sua Dúvida

O que pode ter acontecido comigo em um dos dias que passei aí no Spa? Naquele dia, fiz todas as atividades físicas e a minha alimentação foi idêntica a dos outros hóspedes, só que ao invés de perder peso ganhei cerca de 300 gramas…

Isaura Maria da Silva – Funcionária pública aposentada – Londrina – PR

Cara Isaura, respondendo à sua dúvida, é preciso notar que há uma série de fatores que interferem diretamente no metabolismo do corpo e, consequentemente, no processo de emagrecimento. Estas razões devem ser examinadas quando você está ganhando peso apesar de fazer uso de uma dieta balanceada e praticar atividades físicas regularmente. E, muitas vezes, trata-se de conjunto de fatores atuando em conjunção para impedir que você mantenha o peso. A seguir, estão algum fatores que podem influir diretamente na balança:

Falta de sono – quando não se tem uma noite de sono reparadora, o organismo reage apresentando estresse fisiológico, liberando hormônios como o cortisol, responsável pelo acúmulo de gordura.

Estresse – quando a pessoa encontra-se em uma situação de muita responsabilidade, seu organismo tende a disparar processos bioquímicos que colocam o corpo em “modo de sobrevivência”. Neste modo, o organismo estoca energia e reduz o metabolismo, como se estivesse se preparando para o pior. Uma das conseqüências do estoque de energia é o acúmulo de gordura, principalmente na região abdominal.

Medicação – algumas medicações prescritas para tratar depressão, ansiedade, convulsão, epilepsia, enxaqueca, hipertensão, diabetes, entre outras, podem acarretar ganho de peso. Adicionalmente, alguns medicamentos esteroidais, como os corticóides, usados para tratar doenças inflamatórias, alérgicas e auto-imunes, causam aumento de peso. O mesmo pode ocorrer com medicamentos anticoncepcionais. Alguns medicamentos acarretam retenção de líquidos, que pode levar ao aumento de peso e de medidas.

Condição médica – a doença mais comum que causa ganho de peso é o hipotireoidismo. Trata-se de uma deficiência do hormônio da tireóide que leva à diminuição do metabolismo e ganho de peso, mesmo com o apetite reduzido.

Menopausa – Mulheres chegam à menopausa em uma faixa de idade variável,  geralmente entre os 40 e 50 anos. Com o envelhecimento, é natural que o metabolismo sofra uma redução. Mas, adicionalmente, é comum que as pessoas tornem-se menos ativas fisicamente quando comparadas aos anos de juventude. Acompanhando a menopausa, estão mudanças hormonais que podem desencadear aumento no apetite, depressão e piora da qualidade do sono.

Massa magra – É comum as pessoas confundirem aumento de peso com aumento de gordura corporal. Nosso peso na balança é a soma do peso de ossos, órgãos, pele, água, gordura e músculos. Com o início de um programa de exercícios, é comum o peso na balança aumentar um pouco, pois o ganho de massa muscular contribui para a elevação do peso, mas isso não quer dizer que você engordou. O músculo é mais denso e, portanto, mais pesado que a gordura.”

Ana Paula Stoco Bizeti – Educadora Física